Enums e Annotations – Item 33, 34 e 35

Postado em Atualizado em

imagesItem 33 – Use EnumMap em vês da indexação ordinal

Existe uma classe chamada de EnumMap feita exclusivamente para fazer indexação de matrizes de tipos Enum através de seus ordinais. Dessa forma não faça implementações caseiras relacionadas a essa necessidade. Para qualquer dúvida, consulte o Java Doc dessa classe.

Item 34 – Emule enum extensíveis com interfaces

Embora não seja possível criar tipos enum polimórficos, pode se emulá-lo criando uma interface que acompanhe um tipo básico enum que implemente essa interface. Isso permitira que os clientes criem seus próprios enums implementadores da interface, podendo ser usados sempre que o tipo enum básico pude ser usado, supondo que a programação seja criada para interfaces.

Item 35 – Prefira anotações a padrões de nomeação

A partir da versão Java 5, não existe mais a necessidade de usar padrões de nomeações para indicar elementos do programa que demandavam tratamento especial por ferramentas, frameworks e componentes. Esse tipo de pratica é totalmente sucessível a erros, falhas silenciosas e uma falta sensação de segurança. Com as anotações, é possível criar metadados específicos utilizados para indicar semânticas especiais nos elementos de programação (classes, atributos e métodos) que podem ser recuperados em tempo de execução para tratamento especial.

Para todas as informações, veja o post inicial.

“Se, porém, algum de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e nada lhes impropera; e ser-lhe-á concedida.” Tiago 1:5

Anúncios